jump to navigation

E quem segura o Pato? janeiro 14, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
trackback

A estréia oficial de Alexandre Pato pelo milionário Milan foi surpreendente, principalmente por estarmos falando de um garoto de apenas 18 anos. Poucos veteranos conseguiriam a proeza de estreiar ao lado do Ronaldo “fenômeno” e do Melhor do Mundo Kaká, sem ao menos sentir o peso da camisa. Pois Pato, um guri, fez mais que isso. Se destacou em meio a constelação do Milan na goleada por 5 a 2 sobre o Napoli, pelo Campeonato Italiano. Destruiu.

Com atuação de luxo, o atacante teve participação no gol de Seedorf (outro que jogou muito), e fez o último gol do time na goleada. Deixou, nas redes do Napoli, a marca da arrancada veloz e tranqüilidade na finalização. É impressionante a forma como atuou o jovem paranaense cercado por feras consagradas como Pirlo, Seedorf, além dos brasileiros Emerson, Dida, Ronaldo e Kaká. Como amantes do futebol, precisamos torcer para que a estrutura psicológica de Alexandre Pato agüente todo o assédio e glamour que a posição de garoto maravilha traz consigo.

pato.jpgAcredito que, por tudo o que mostrou na estréia, apesar de toda a badalação já produzida, antes do jogo, em volta do novo astro do futebol mundial, Pato seja de fato o nosso futuro (pra não dizer presente) grande craque brasileiro. Dunga, convoca o guri pra Seleção Principal, não apenas pra Olímpica. Ele já provou que tem como brigar forte por vaga na Seleção. Ninguém segura esse Pato!

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: