jump to navigation

Empate sofrível janeiro 24, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , ,
trackback

Não retribuindo as expectativas deixadas pelo resultado no primeiro jogo do Gauchão, o Grêmio não passou de um empate, em 1 a 1, contra o Sapucaiense, ontem no estádio Cristo Rei em São Leopoldo.

A vitória gremista em cima do XV de Novembro, de Campo Bom, no final de semana, apesar de ter servido, em discurso, como indício de que o Grêmio 2008 possa engrenar, não se repetiu ontem. A equipe de Sapucaia, retornando à primeira divisão do futebol gaúcho, engrossou o caldo do Tricolor em São Leo. Em um jogo tecnicamente fraco, com as maiores chances de gol sendo desperdiçadas pelo time da casa, o Grêmio não passou de coadjuvante e teve sorte de não voltar pra casa com a primeira derrota no Gauchão.

A partida deve, obrigatoriamente, servir de alerta à direção gremista que precisa investir mais no time. Não apenas do meio pra frente, como têm falado os dirigentes, mas também e, principalmente, contratando peças de experiência para o setor defensivo que, com a perda dos zagueiros William, que foi para o Corinthians, e Teco, afastado por lesão nos próximos seis meses, tem se mostrado extremamente frágil.

Pra reforçar a tese da falta de defensores de qualidade, o mais atrapalhado em campo foi, sem dúvidas, o zagueiro Wagner. O garoto foi protagonista de duas bobagens dignas de jogo de várzea. Na primeira, escorregou em frente à grande área, deixando o jogador do Sapucaiense livre pra marcar. Por sorte (e falha do atacante) Victor, bem posicionado, defendeu. Logo em seguida, num recuo desastrado, novamente Wagner coloca a bola na cara do gol para o centroavante do time de Sapucaia jogar pra fora, desta vez sem goleiro, que havia sido enganado pelo defensor gremista. Para coroar a noite, o Tricolor ainda foi salvo, nos últimos minutos, por uma defesa milagrosa do goleiro Victor, à queima-roupa. A derrota só não veio mesmo por muita sorte, e o ponto fora chegou com gosto de vitória. Quem diria…

bandeira-gremio.jpgEnfim, enquanto aguardamos as estréias de Júnior, Perea e Roger, além de novas (e boas) contratações, percebe-se que há muito o que fazer no time de Vagner Mancini para que o torcedor gremista possa sonhar com títulos em 2008. Nada fácil.

Anúncios

Comentários»

1. Como queimar um zagueiro « Eduardo Trindade online - fevereiro 4, 2008

[…] no jogo contra o Sapucaiense, em São Lepolodo, o garoto cometeu duas falhas primárias, por insegurança, o técnico deveria, […]

2. Coisas do futebol « Eduardo Trindade online - janeiro 25, 2008

[…] do atleta ao final do contrato. Uma ótima saída para o setor defensivo que, como coloquei no post sobre o empate do Grêmio, contra o Sapucaiense, está carente de experiência e tranqülidade, até para que os mais novos adquiram confiança e, […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: