jump to navigation

O segundo turno do líder Grêmio setembro 9, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , ,
trackback

A notícia de que o Grêmio detém apenas a 8ª campanha do segundo turno foi o suficiente para gerar um alarde completamente desnecessário em boa parcela da torcida gremista. Na minha concepção, contudo, o fato de o Tricolor, em 5 jogos do segundo turno, ter conquistado somente 8 pontos, não chega a ser desesperador.

Na verdade, o melhor time do segundo turno é o Botafogo, com 11 pontos conquistados, TRÊS a mais que o Grêmio que jogou apenas DUAS partidas em casa e TRÊS fora. Cabe lembrar que o Botafogo estava a 10 pontos do Tricolor Gaúcho ao término do primeiro turno e com esta vantagem no returno, apenas conseguiu reduzir sua diferença para 7 pontos, o que ainda é uma excelente vantagem para os gaúchos.

Da mesma forma o Palmeiras, um dos principais concorrentes do Grêmio na busca pelo título, conquistou 9 pontos em cinco jogos, apenas UM a mais que o time de Roth, no returno, reduzindo assim a diferença que era de SETE pontos na 19ª rodada para SEIS, nada muito dramático. O Cruzeiro, por sua vez, tem campanha ainda pior que o líder no segundo turno e viu a diferença para o topo da tabela aumentar em UM ponto, de CINCO para SEIS.

Resumindo, a questão é que os times com melhores campanhas neste segundo turno, até agora, não são os principais concorrentes do Grêmio ao título, exceção feita ao Botafogo que, com os 11 pontos conquistados no returno, se aproxima vertiginosamente dos primeiros colocados, podendo, inclusive, assumir a vice-liderança já na próxima rodada, caso vença o Internacional no Rio de Janeiro e Palmeiras e Cruzeiro empatem no Mineirão.

De qualquer forma, se o Grêmio vencer seu compromisso contra o Goiás no Olímpico no final de semana e os resultados acima mencionados ocorrerem, Roth e seus comandados podem aumentar de SEIS para SETE pontos a diferença para o vice-líder, que passaria a ser o time carioca. E se o Inter vencer o jogo no Rio, ajuda ainda mais o Tricolor, pois a diferença passaria para OITO pontos de Palmeiras e Cruzeiro (no caso de empate) e NOVE para o Botafogo.

Ou seja, como li em um post muito bem escrito: Sem necessidade de grito.

Anúncios

Comentários»

1. Alex Passamani - setembro 13, 2008

Alguem falou em Tragédia? O Grêmio acabou de perder em casa para o Goias. Uma vitória do Botafogo no engenhão contra o internacional não seria nenhuma surpresa e o colocaria a 4 pontos da liderança. E com uma vítória saindo do confronto direto entre Cruzeiro e Palmeiras colocaria o vencedor a 3 pontos.
Ou seja, em uma rodada muita coisa pode acontecer para a infelicidade dos gremistas, então imagina nos 13 jogos que ainda faltam. Acho que é bem cedo para definir alguma coisa.

2. Eduardo Trindade - setembro 12, 2008

Pois é Roger, mas por incrível que pareça ainda ouço muitos dizendo que o Grêmio não vai ser Campeão. Ainda assim, acredito que quem se pronuncia desta forma, assim o faz, por desejo que isso de fato não aconteça, não pelo que a realidade desenha.

Infelizmente são os clássicos casos em que a preferência clubística fala mais alto que a razão. Afinal, convenhamos, sem ocorrer nenhuma tragédia, é realmente muito difícil que o Tricolor Gaúcho não erga o terceiro caneco do Brasileirão.

Obrigado pelo comentário. Grande abraço.

3. Roger Santos - setembro 10, 2008

Sábias e precisas as palavras do blogueiro! Não há motivos para alarces, mas sim, para a esperança d um título!

O Grêmio mantém regularidade. E este requisito está fazendo a diferença em sua campanha e no campeonato.

Ao que parece pouco, seis pontos de diferença para o segundo colocado significa que, para ser ultrapasado, o tricolor precisa perder 02 jogos seguidos e o vice-lider vencer 02 jogos seguidos. Porém, eu definiria essa possibilidade descartada, além do fato de estipular um mínimo de 03 rodadas para uma possibilidade de perda da liderança, onde o Grêmio somaria 03 pontos em 09 e o vice-lider vencesse 03 confrontos seguidos e de goleada (pois o saldo dos gaúchos é alto).

Os atletas, técnico e direção do lider estão focados. E nesta condição, mesmo com algumas derrotas e empates, é quase impossível que o Grêmio, com seu posicionamento de lider consciente, não sea campeão brasileiro. E digo mais, se o GFP chegar ao ponto de aumentar a vantagem até a 30ª rodada, o título será uma questão de tempo. Isto porque ocorrerá o efeito da sucumbência inconsciente de seus rivais…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: