jump to navigation

Os absurdos da LEI dezembro 5, 2008

Posted by eduardotrindade in Jornalismo Participativo.
Tags: , , , ,
trackback

Além das conhecidas facilidades para corruptos e grandes criminosos poderosos safarem-se em liberdade da maioria das roubalheiras, gráças aos desdobres da LEI, agora o Ministério Público dedica-se a interferir e fiscalizar anúncios de empregos. Mesmo que a empresa seja completamente idônea e o anúncio esteja perfeitamente ético e correto. Fiquei bastante surpreso com o caso que lhes conto a seguir.

Decidimos publicar nos classificados do jornal de maior repercussão no RS, um anúncio referente a uma vaga que estamos oferecendo para representante /promotor de vendas na empresa para a qual trabalho como gerente regional do RS e SC. Acontece que, apesar de ser uma vaga para PROMOTOR DE VENDAS, ou REP, a empresa exige FLUÊNCIA TOTAL E ABSOLUTA na língua INGLESA, inclusive com experiência como PROFESSOR.

Não por outro motivo, definimos o anúncio em INGLÊS exatamente como fizemos em outra ocasião de contratação. Porém, fomos informados que, por alterações na lei, precisaríamos, no mínimo, colocar ao final do anúncio o NOME DA VAGA em PORTUGUÊS.

E assim o fizemos, além de uma série de outras exigências, porém todas mais compreensíveis que esta, é preciso que se diga. Contudo, é realmente impressionante o fato de uma empresa, que deseja apenas pessoas completamente fluentes em inglês respondendo a seu anúncio, não poder deixar este por completo na língua exigida para a contratação.

Isto pode até parecer pouco para um post revoltado, mas este mesmo detalhe aumenta consideravelmente o número de currículos, pois vários que não tenham entendido o anúncio por completo, acabam lendo a chamada final para Representante de Vendas. Estes, por exemplo, virão na tentativa de convencer que, apesar de seu inglês intermediário, ou menos, eles têm larga experiência como representante, ou vendedor e, como viram que a vaga era pra REP sentem-se confortáveis para arriscar.

Más o pior é que tentamos explicar exatamente isso para a vendedora do anúncio, E a mesma disse que até poderia fazer, entretanto, certamente na segunda-feira teriamos um agente do MP em nossa empresa. Inacreditável.

Enfim, acho que há assuntos muito mais imperiosos para o MP se preocupar do que com este que, neste caso, não prejudica absolutamente ninguém pois estamos falando de uma empresa idônea. E, convenhamos, é muito fácil detectar a idoneidade da empresa que tenta anunciar, já que são passadas todas informações possíveis. LAMENTÁVEL!

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: