jump to navigation

Os famigerados Sistemas de Ensino dezembro 11, 2008

Posted by eduardotrindade in Jornalismo Participativo.
Tags: , , , , , ,
trackback

É impressionante o que o poder econômico pode fazer até mesmo em escolas religiosas e conceituadas. Muitas redes, inclusive, estão se rendendo, de forma equivocada, aos atrativos financeiros proporcionados pelos Sistemas de Ensino. Mesmo que o critério pedagógico precise ficar em segundo, ou terceiro, plano neste processo de escolha.

Devido a meu trabalho, tenho contato diário com uma grande quantidade de professores de inglês que corroboram o que trago neste post. Posso afirmar, sem medo, que as adoções de Sistemas de Ensino não envolvem a participação do professor, pois todos os acertos são feitos, contra a vontade dos docentes, em contatos diretos com os diretores. Por mais que isso pareça “ditatorial”.

Mas isso por si só não seria tão problemático não fossem os critérios comumente utilizados para tais escolhas. Na maioria dos casos, os Sistemas “atacam” como target escolas que estejam passando por problemas financeiros, mas que tenham um número razoável de alunos. Com isso, os “lobos” vêm e oferecem o negócio da China para o diretor.

A estratégia é simples: Suponhamos que você seja o diretor de um colégio com 500 alunos, mas sua escola necessita investimentos em algumas áreas para as quais falta receita. De repente, aparece um consultor de negócios de um dos tantos Sistemas e lhe oferece um pack com todas as matérias por 500 Reais (média) por ano de custo para os pais.

Mas a grande sacada está no desconto que a editora do Sistema oferece à escola e que os pais acabam nem vendo a cor. Em média, é possível uma escola conseguir de 20 a 30% de desconto para revender diretamente aos alunos a apostila do ano.

Não é preciso ser nenhum expert em cálculos para perceber que 500 alunos comprando um apostilão de 500 Reais geram uma receita de 250 MIL Reais. Como a escola ficaria com 30%, isso significa que é possível arrecadar, com a parceria, um extra de aproximadamente 75 mil anuais. Isso com apenas 500 alunos.

Assim, usando o poder do dinheiro, é que os FAMIGERADOS SISTEMAS DE ENSINO disfarçam a parca qualidade pedagógica dos materiais, principalmente no que diz respeito à língua inglesa, e acabam invadindo escolas necessitadas. Poor teachers.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: