jump to navigation

Grêmio contrata Douglas janeiro 21, 2010

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,
add a comment

Em mais um desfecho de negociação feliz para o Grêmio em 2010, o clube acertou a contratação de Douglas (ex-Corinthians) até o final de 2012. O meia vem para brigar por uma vaga com Hugo na armação e completa o aumento de qualidade que a equipe Tricolor ganhou do meio para a frente neste início de temporada.

Douglas veio dos Emirados Árabes por não ter se adaptado ao futebol de lá e, apesar dos interesses de Palmeiras e Flamengo, e das bobagens proferidas por Muricy Ramalho, técnico arrogante do Verdão, o jogador escolheu o Grêmio para o retorno ao Brasil, pouco mais de meio ano depois de sua ida para o Al-Wasl. Com salários acertados, falta apenas um documento para concretizar a apresentação do jogador. Segundo Meira, a documentação está a caminho.

Agora, como disse Souza recentemente, a “dor de cabeça boa” está com o técnico Silas que terá a sua disposição seis excelentes jogadores (Hugo, Souza, Leandro, Borges, Jonas e Douglas) para colocar em campo 4 ou, no máximo, 5 deles.

É preciso parabenizar a direção Tricolor, que tanto critico por maus negócios com as vendas dos pratas da casa, por todas as excelentes contratações feitas em 2010.

Com isso, é possível afirmar sem medo que o Grêmio monta, pelo menos no papel, um dos melhores plantéis do Brasil em 2010 e vem com um excelente grupo, inclusive de reposição, para brigar pelos títulos importantes que há um bom tempo não vem.

Anúncios

O esboço do Grêmio para 2010 janeiro 11, 2010

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
add a comment

O Gêmio realizou o primeiro coletivo da temporada 2010 com boas indicações do que virá a ser a equipe titular do clube para a disputa da Copa do Brasil. O técnico Silas começa o ano indicando um 4-4-2 tradicional com dois volantes, dois meias e dois atacantes. Borges foi o destaque no ataque Tricolor.

A formação titular teve alguns revezamentos, mas tudo indica que o time do Grêmio para o início do Gauchão e Copa do Brasil seja: Victor, Mário Fernandes, Maurício (Rafa Marques), Réver e Fábio Santos; Ferdinando (Túlio), Adilson (Rochemback), Hugo e Souza; Leandro e Borges.

O Tricolor segue na busca de um lateral direito e, talvez, um meia. Silas deverá contar ainda com um banco de qualidade, pois além dos que estão entre parenteses acima, na reserva, o Grêmio 2010 contará com Jonas, Maylson, Mithyuê, Willian Magrão e Lúcio.

Possivelmente a vinda de um bom lateral direito e a concretização da especulação acerca do empréstimo de Douglas (ex-Corinthians) podem incendiar a disputa por uma vaga em dois setores no Grêmio 2010.

A zaga, com o retorno de Mário Fernandes para a função de origem pela contratação de um lateral de ofício, ficaria com 4 bons zagueiros (Réver, Maurício, Rafa Marques e o próprio Mário) brigando por duas vagas.

No meio, repito, caso concretizem o empréstimo de Douglas, Silas teria de optar por deixar um dos três (Hugo, Souza e Douglas) de fora, acirrando ainda mais a disputa que tem hoje apenas os jovens Mithyuê e Maylson.

O plantel do Grêmio para 2010 dezembro 8, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
4 comments

A diretoria do Grêmio pretendia anunciar as contratações de Hugo, Borges e Leandro no início desta semana, mas a espera por propostas do exterior (no caso de Hugo) e até nacionais (no caso de Borges) podem atrasar um pouco as contratações gremistas. Além disso Leandro disse que pretende ficar no Japão, a menos que tenha uma proposta excelente. Ou seja, não vem para o Tricolor que dificilmente teria condições de fazer uma oferta compatível.

Pretendo aqui analisar o atual plantel, sob a luz do troféu Bola de Prata da revista Placar, procurando identificar as carências do Grêmio para 2010, independente do que pensa Luiz Onofre Meira, com o qual não concordo em algumas “necessidades” que ele aponta para o grupo. Cabe destacar que, pelo levantamento da revista Placar, o Grêmio teve um jogador entre os dez melhores de quase todas as posições, exceto entre os meias.

Para uma melhor análise, projeto uma possível escalação (com reservas ao lado) considerando o que há hoje disponível, contando com a manutenção de Maxi Lopez e a contratação de Hugo (que está mais próxima). O time teria, então: Victor (Marcelo), Mário Fernandes (Joilson), Réver (Rafael Marques), Leo  (Saimon) e Lúcio (Fábio Santos); Willian Magrão (Adilson), Fábio Rochemback (Túlio), Hugo (Maylson) e Souza (Mithyuê); Douglas Costa (Jonas) e Maxi López (Roberson).

Analisando, então, as posições acima, o goleiro Victor dispensa comentários. A dupla titular de zaga, Réver (3º colocado no Bola de Prata) e Leo, com uma boa pré-temporada pode ser novamente uma das melhores defesas do campeonato. A zaga contaria ainda com um reserva de qualidade, Rafael Marques.

Para a lateral direita, Mário Fernandes, ainda que seja um zagueiro adaptado, demonstrou qualidade na função e também ficou em 3º no troféu da Placar. Pode ser mais efetivo que contratações incertas para a posição, sabidamente deficitária no Brasil. Joilson poderia, com uma boa preparação, brigar pela posição ou pelo menos compor o banco com alguma qualidade.

Na esquerda, acredito que Lúcio possa render muito mais e vir a ser o lateral esquerdo titular. Contudo Fábio Santos, 5º colocado na posição no Bola de Prata, promete brigar pela titularidade. O certo é que não é possível que pelo menos um deles não renda o suficiente para garantir qualidade à lateral esquerda.

Na minha opinião, o setor que mais precisa de reforços de qualidade é o meio campo defensivo. Uma contratação neste setor poderia dar mais qualidade na ligação entre a defesa e os meia-atacantes. Apesar de considerar uma missão quase impossível, a especulação que surgiu há pouco mais de uma semana em torno de Tinga seria uma excelente solução para o setor. Dos atuais do elenco, creio que Willian Magrão possa ser aquele com melhor resposta e talvez Rochemback, com uma preparação adequada na pré-temporada, e Adilson seriam boas peças de reposição.

No setor ofensivo do meio campo, apesar de ser o único setor no qual o Grêmio não teve um jogador entre os 10 melhores, o Tricolor apresenta as melhores opções. Hugo e Souza formariam excelente dupla e Silas ainda teria, em caso de suspensão ou lesão de um deles, a opção de recuar Douglas Costa (que tem jogado no ataque). Mas caso prefira manter Douglas no ataque, pode usar Maylson ou a promessa Mithyuê em substituição a um dos meias.

No ataque, Maxi López ficou em 6º no troféu Bola de Prata e já é o titular absoluto da posição mais aguda do ataque gremista. Quem vai ficar com a função de segundo atacante dependerá de como Douglas Costa será aproveitado por Silas. Na minha humilde opinião, o Grêmio poderia jogar, pelo menos em casa, com apenas um volante (Willian Magrão) e três meias (Souza, Hugo e Douglas Costa) se revezando na armação e na marcação ofensiva. Neste caso o ataque seria Jonas (ou Borges) e Maxi. Mas acho que com Souza e Hugo, Douglas deverá mesmo ser usado na frente.

Assim, arrisco afirmar que se o Grêmio de fato trouxer Hugo e Borges, poderia ir em busca de apenas mais um bom volante para montar uma equipe com boas chances em 2010. Na verdade, antes que alguém diga que sou louco porque o time não pegou nem G4 neste Brasileirão, acredito sinceramente que o problema do Tricolor em 2009 foi muito mais uma falta de atitude (por culpa do treinador) quando jogava fora do Olímpico do que falta de qualidade do plantel (exceto em algumas posições).

O adeus do capitão Tcheco novembro 19, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , ,
add a comment

Chegou ao fim a segunda passagem de Tcheco pelo time do Grêmio. Ao final do treino de hoje à tarde, o ex-capitão tricolor anunciou sua não permanência em 2010. Seu futuro ainda não está totalmente definido, mas tudo indica que voltará a atuar junto com Mano Menezes, agora no Corinthians, com quem jogou em sua primeira passagem pelo clube gaúcho. Apesar de não ter conquistado títulos com a camisa Tricolor, fica um vínculo forte do meia com a torcida com a qual se identificou desde sua primeira passagem pelo clube em 2006.

Ainda que alguns torcedores lamentem, particularmente, acho que o Grêmio pode aproveitar a saída do jogador para compor melhor o meio de campo, já que o time precisa mesmo é de um meia esquerda de qualidade para 2010. Souza faz muito bem a função de meia atacante pela direita e, com a saída de Tcheco que também atuava mais pela direita por ser destro, o Tricolor tem a chance de ir em busca de um meia esquerda de origem que pode ser Hugo, hoje no São Paulo.

Um grande reforço agosto 29, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,
add a comment

Fábio Rochemback, 27 anos é o mais novo reforço gremista. O Grêmio finalmente conseguiu sua liberação junto ao Sporting Lisboa e o jogador chega em Porto Alegre no domingo para realizar exames médicos segunda feira no Clube.

O volante assina por um período de 2 anos e se for vendido neste meio tempo, o Tricolor  fica com 20% do valor da venda. Excelente contratação da direção gremista.

A questão agora é ver o que o técnico Autuori fará com o jogador. Não posso imaginar Rochemback na reserva de Túlio ou Adilson, mas vai saber o que passa na cabeça do treinador. Na lateral esquerda, por exemplo, eu acreditava que Jadilson seria mais titular que Fábio Santos, mas não para Paulo Autuori.

Enfim, espero que o treinador não demore mais que o suficiente para fazer uso tanto do lateral esquerdo Lúcio, como do meia Fábio Rochemback. Afinal, são dois jogadores de muito mais qualidade técnica que os atuais titulares em suas posições.

Grêmio contrata Herrera janeiro 29, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
add a comment

Finalmente a primeira novela argentina gremista termina bem: Herrera vai mesmo defender o Grêmio em 2009. O argentino, ex-Corinthians, teve 50% dos seus direitos adquiridos junto ao Gimnasia y Esgrima La Plata por 800 mil dólares e chega nesta quinta para reforçar a equipe na principal disputa do ano: a Libertadores da América 2009.

Na tarde de ontem, Mauro Galvão esteve em Buenos Aires acertando os detalhes com os dirigentes do San Lorenzo, detentor de 25% dos direitos federativos do jogador, que estavam complicando o acordo, desejando entrar na divisão. Herrera tem sua chegada ao Olímpico prevista para hoje.

De qualquer forma, por prudência, os dirigentes gremistas anunciaram o acerto apenas na manhã de hoje, já que da primeira vez que o jogador tinha passagem marcada, as partes envolvidas recuaram. Porém, depois das reuniões de ontem a situação evoluiu, e chegou ao final feliz que esperava a torcida Gremista.

Herrera teve passagem pelo Grêmio em 2006 e, apesar dos muitos gols perdidos na época, sempre demonstrou muita garra e velocidade, identificando-se fortemente com o torcedor Tricolor. Agora, depois de boa passagem pelo Corinthians de Mano Menezes, com muitos gols ao lado de Dentinho, o argentino chega com moral de quem vem para brigar pela titularidade.

É mais um ótimo reforço para a temporada 2009. O Grêmio se prepara para anunciar, ainda esta semana, outro atacante argentino de destaque. Maxi López, ex-Barcelona e River Plate, deve acertar sua situação ainda esta semana para dar mais opções ao técnico Celso Roth na formação do ataque Tricolor.

Coisas que não entendo 2 janeiro 20, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
add a comment

Desculpem a falta de criatividade no título deste post, mas realmente não consigo entender o que acontece nos bastidores do Grêmio. Quando todos os torcedores acreditavam que as novelas argentinas sobre Herrera e Máxi Lopez haviam acabado, ambas ressurgem com força. Lamento, senhores André Krieger e Duda Kroeff, mas a impressão é a de que já vimos o mesmo filme no ano passado com os senhores Pelaipe e Odone.

Mas não são apenas as insistências do Grêmio, dignas de novela mexicana, que irritam os torcedores. O que mais incomoda é ver que Fred pode vir para o Brasil apenas pelos salários. Será que o Imortal Tricolor não tem condições de entrar neste tipo de briga com times como o Palmeiras ou Fluminense, por exemplo? Ainda que os salários sejam altos, pra quem paga mais de 200 MIL a Celso Roth (?), conseguir investidores para bancar um bom salário para um atacante de alta qualidade não deveria ser problema.

Na minha opinião, falta ambição para aqueles que comandam o PRIMEIRO DO RANKING DA CBF. Não posso concordar que Fluminense ou Palmeiras sejam mais interessantes para um jogador que está sendo repatriado. Principalmente com Grêmio disputando uma Libertadores da América. Até concordo que o São Paulo de Muricy pudesse ter mais “bala na agulha” que o Tricolor Gaúcho para atrair um centroavante deste porte. Contudo, não consigo pensar o mesmo sobre estes dois que estão na briga por Fred. E a prova é Alex Mineiro.

Mas é óbvio que, sem contato dos dirigentes Gremistas com o empresário do centroavante demonstrando interesse, a possibilidade de defender o Tricolor nem passa pela cabeça do jogador. E penso, sinceramente, que, se as negociações já tivessem iniciado antes, não seria difícil atrair Fred para Porto Alegre, principalmente porque no Olímpico ele poderia ficar bem próximo do técnico da Seleção Brasileira, Dunga, para tentar chegar à Copa 2010. Agora, contudo, é tarde demais. É de fato lamentável que nossos dirigentes tenham se apequenado desta forma nos últimos anos.

Cadê o segundo atacante? janeiro 12, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , ,
add a comment

Apesar dos barulhos em torno de nomes como Herrera, Máxi Lopes, Magno Alves e outros, a contratação do companheiro de Alex Mineiro no ataque Gremista da Libertadores está parada. Talvez nem venha e o nome deste jogador seja Jonas, reintegrado depois de passar por Santos e Portuguesa.

Pode até ser uma boa opção, mas cuidado, na minha opinião ainda falta um temperinho que possa nos garantir um caldo mais grosso nesta Libertadores. Depois de 2007 e 2008 chegando como vice, respectivamente, na Libertadores e no Brasileirão, a torcida quer mais. E para isso, arrisco dizer que a vinda deste segundo atacante pode ser determinante.

Gilberto quer jogar no Grêmio janeiro 8, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , ,
add a comment

Um clube que desperta as mais profundas paixões, tanto na torcida como em jogadores, como o Grêmio, deve mesmo estar preparado para receber de volta seus craques de outrora. Tenho poucas dúvidas, por exemplo, sobre o futuro desejo de retorno (ainda que para encerrar a carreira) de jogadores como Emerson (em breve), Ronaldinho Gaúcho e, mais futuramente, Lucas, Carlos Eduardo, Anderson.

Agora é a vez de Gilberto, lateral da seleção de Dunga e do último título nacional do Grêmio: A Copa do Brasil 2001. Liberado pelo Tottenham, o lateral, insatisfeito com a reserva no time inglês, quer voltar ao Brasil. Mesmo sendo carioca e tendo proposta do Vasco e de outros clubes do Rio, o jogador afirmou hoje seu desejo de retornar e encerrar a carreira no Tricolor dos Pampas.

O problema aparente é que o Grêmio já tem TRÊS laterais esquerdos no plantel: Helder, Fábio Santos e Jadilson. Os dois últimos recém contratados. Claro que nenhum dos três joga o que Gilberto joga. Com 32 anos o lateral poderia ainda atuar como meia esquerda junto de Tcheco, com Roth deslocando Souza para a ala direita.

Agora, imaginem, amigos tricolores, o seguinte time para a Libertadores 2009: Victor, Leo, Réver e Rafael Marques, Souza, Willian Magrão, Tcheco, Gilberto e Jadilson, Maxi Lopes e Alex Mineiro. Isso sem contar que no banco teríamos um outro bom time inteirinho: Marcelo Grohe, Fabio Ferreira, Wágner e Heverton, Ruy, Orteman (Paulinho), Diogo (Adilson), Douglas Costa (Mithyuê) e Fábio Santos (Helder), Perea (Jonas) e Reinaldo (Morales).

Krieger, faz uma forcinha aí e realiza o sonho do Gilberto e da massa Tricolor, a maior torcida do Rio Grande do Sul.

Grêmio confirma Jadilson janeiro 6, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , ,
add a comment

O Tricolor anunciou oficialmente hoje à tarde mais um bom reforço para uma das posições deficitárias. A lateral esquerda agora tem dono. Jadilson, era do São Paulo, mas atuou em 2008 no Cruzeiro e representa a experiência para a posição na Libertadores. O lateral jogará sua quarta Libertadores da América em 2009. Desta vez pelo Grêmio.

Com a contratação, o Grêmio se reforça em mais uma das posições na qual buscava melhoria. Agora já são 3 contratações que vem para assumir a titularidade no time. Rafael Marques na zaga, Alex Mineiro no comando do ataque e Jadilson na lateral esquerda.

O Grêmio da Libertadores 2009 janeiro 6, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
add a comment

O Grêmio se reapresenta nesta quarta feira com uma manutenção excelente do elenco Vice-Campeão Brasileiro 2008, além de peças novas e de qualidade. Do grupo titular que encerrou o Brasileirão, o time perde apenas o bom volante Rafael Carioca e o zagueiro Jean, além de outras peças, do banco, dispensadas por falta de interesse do clube, como Soares, André Luis, Marcel, Pereira e Paulo Sérgio.

Com a recente contratação de Alex Mineiro, além da proximidade do negócio com o lateral esquerdo Jadilson, o time ainda procura um atacante de qualidade, já que Herrera dificilmente vem, para montar uma base de mais qualidade que em 2008, ainda que haja comentaristas que pensem o contrário.

Isto significa, no meu entendimento, que o Grêmio vem para a Libertadores da América 2009 com aquilo que não teve em 2008: REPOSIÇÃO. O primeiro turno do Brasileirão foi excepcional, contudo, bastou virem as contusões e suspensões do segundo turno que o time perdeu a vantagem desenhada na primeira metade do Campeonato justamente por falta do que usar na ausência dos titulares.

A possível formação Tricolor para 2009 será: Victor, Leo, Réver e Rafael Marques, Fabio Santos (ou Jadilson se vier), Willian Magrão, Tcheco, Souza e Felipe Mattioni (ou Ruy, caso Mattioni vá para a Itália), Reinaldo (ou Herrera ou outro atacante) e Alex Mineiro. Com estes titulares, as reposições mantidas da base titular de 2008 para o ataque e os destaques dos juniores promovidos, o Tricolor Gaúcho tem um bom grupo para enfrentar uma Libertadores em que nenhum time se destaca como aquele que sobra em relação aos outros.

Como reposição nas posições destes possíveis titulares temos: o goleiro Marcelo Grohe; os zagueiros Heverton, William Thiego e Wagner; os alas Ruy pela direita, Helder e Fábio Santos pela esquerda (caso Jadilson venha para a vaga de titular); os volantes/meias Adilson, Orteman, Diogo, Douglas Costa e Maylson; os atacantes Perea, Morales e os juniores Rafael Martins e Roberson além de outros que tem se destacado na Base Tricolor.

Ora, convenhamos, qualquer um que conhece um pouco de futebol sabe que uma equipe que pudesse contar apenas com estes jogadores da reserva do Grêmio, poderia fazer frente à maioria dos times da Série A e, talvez, ficasse, ao final de um campeonato, por exemplo, na zona da Sul Americana. Como no Tricolor eles são apenas as peças de reposição, o torcedor Gremista pode, SIM, acreditar na briga pelo título da Libertadores 2009, tendo por base a equipe titular listada mais acima, com um banco de luxo como o relacionado.

Discordo, portanto, de Leonardo Menegheti, colunista do VS, que escreveu em sua coluna de domingo que o time de Roth precisa de mais qualidade para a disputa da Libertadores. Para mim, ou lhe falta vontade de ver as coisas como elas são, ou sua ideia do que vem a ser um time competitivo está completamente equivocada.

Contratações em baixa dezembro 17, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , ,
add a comment

O Mercado da Bola vem se mostrando complicado também para o Inter que em 2008, apesar dos resultados frustantes, conseguiu montar um dos melhores grupos do Brasil.

Talvez o início da “temporada de caça” colorada seja até mais complicado que o começo do lado Tricolor. Sim, porque as vendas de Nilmar e Alex são uma questão de tempo, por mais que o presidente colorado procure mostrar para a torcida que está se esforçando no sentido de manter os dois, ou pelo menos um deles.

Mas além destas possíveis vendas dos dois melhores do elenco, as primeiras duas contratações cogitadas no lado vermelho do RS, não podem ser consideradas, em hipótese alguma, melhores que as investidas do arqui-rival Tricolor.

No Grêmio, como escrevi recentemente, Ruy não precisava vir para mandarem Paulo Sérgio embora. São semelhantes em qualidade, ou na falta dela. E Wellington Paulista talvez até possa ser aquele atacante que falta ao time, mas não é, com certeza, o que os torcedores esperavam para encarar a Libertadores da América em 2009.

Já no Inter, até agora, o “maior” nome, inclusive trabalhado em sigilo por Vitório Píffero, é um garoto reserva do Boca Juniors, o atacante Ricardo Noir que, inclusive, jogou contra o Colorado quando os reservas do time argentino perderam para o Internacional na Bombonera, este ano, pela Sul Americana. O pior é que o presidente colorado faz mistério como se fosse um craque que estivesse chegando.

Enfim, resultados podem até vir para o RS em 2009, afinal, quem apostava em Paulo Nunes e Jardel antes deles jogarem no Grêmio de 1995? Contudo, para vencer as incertezas das torcidas da dupla Grenal com estas contratações, por assim dizer, pífias, será preciso que todos os novos contratados joguem mais do que aquilo que até agora mostraram nos times pelos quais jogaram.

Coisas que não entendo dezembro 15, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , ,
2 comments

Não consigo entender a intenção da direção Tricolor trazendo o lateral direito Ruy. É, na minha opinião, inaceitável pensar em deixar Felipe Mattione no banco para que o novo contratado atue. Principalmente porque este não é exatamente o que se possa chamar de um jogador diferenciado.

Buenas, alguns podem argumentar que o Grêmio logo venderia o camisa 2, prata da casa, e ficaria sem ala direito. Discordo novamente. Souza, se não puder ser aproveitado no meio, deu excelente resposta como ala pela direita. E depois, Ruy é tão bomo como Paulo Sérgio. Não que isso seja ruim, considero apenas que liberar um para contratar o outro seja um investimento desnecessário.

Enquanto isso as reposições para Jean e Leo na zaga não foram nem cogitadas. Tudo bem que Leo ainda não tenha ido, mas do jeito que o Grêmio precisa de dinheiro, acho muito difícil que o zagueiro não seja vendido para um dos clubes do Leste Europeu que desejam o defensor gremista.

Espero que as negociações deste ano, feitas por Krieger, não frustem tanto o torcedor quanto as do ano passado, tentadas por Paulo Pelaipe. E você, quem gostaria de ver jogando no Grêmio na Libertadores 2009?

O meio-campo do Grêmio julho 12, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , ,
add a comment

Há quem diga que sou exigente demais com o time do Grêmio. Não concordo. Na verdade acredito que Tcheco e Souza são excelentes jogadores e podem suprir com muita qualidade a ausência da criação de Roger. Elogio suas contratações. Também acho que Willian Magrão e Rafael Carioca são bons segundo e terceiro homens, respectivamente, para o meio.

Mas o Tricolor nitidamente carece de um Eduardo Costa, ou um Sandro Goiano, para dar maior proteção à zaga. O tão falado primeiro volante. Talvez este jogador venha da base, talvez seja Réver em uma possível transformação da equipe no 4-4-2, ou ainda Amaral que já jogou com Roth no Vasco fazendo esta retenção.

Não acredito, contudo, que com as soluções caseiras propostas acima o Grêmio possa manter-se nas primeiras posições da tabela por muito tempo, pois as substituições se farão necessárias e o técnico não terá muitas opções de qualidade. É por isso que penso ser nesta posição, fundamental para o meio-campo e para o setor defensivo como um todo, que o Grêmio precisa investir seus próximos esforços de contratação.

Grêmio e os negócios impossíveis maio 7, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , ,
1 comment so far

Apesar dos insucessos conhecidos em todas as tentativas recentes de negociação do Grêmio com o São Paulo, os diretores do Tricolor Gaúcho ainda não desistiram de mendigar jogadores para o clube paulista. Desde o início do ano já foram tentados Souza e Hugo. Agora é a vez de Aloísio.

Na minha opinião, está mais que na hora de parar de virar motivo de chacota nacional sendo detonado por qualquer dirigente desqualificado do SPFC na mídia esportiva. Tanto o presidente Juvenal Juvêncio, quanto Marco Aurélio Cunha e até mesmo o técnico Muricy Ramalho, adoram tripudiar em cima das propostas do Grêmio, publicamente.

No início do ano, cheguei a desconfiar que os boicotes fossem oriundos das desavenças com o então diretor de futebol, Paulo Pelaipe. Agora, contudo, os comentários dos São Paulinos, mostram o desejo, ainda que enrustido, de inferiorizar as propostas do time que os desclassificou na Libertadores do ano passado e, em um passado pouco mais distante, ganhou um Brasileirão com gol de Baltazar em pleno Morumbi. Deve ser como ter espinhos atravessados pela garganta.

É óbvio o ranço. Não vejo, portanto, sentido em continuar alimentando esta relação de inferioridade perante estes cartolas prepotentes do futebol nacional. Por favor, Krieger e Odone, em respeito ao tamanho do Grêmio, não insistam em negócios com o São Paulo.

Temporada de caça no Grêmio abril 22, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , , ,
add a comment

Com a indesejada pré-temporada fora de hora, o Tricolor Gaúcho vai às compras e tenta fazer milagre. Sim, nesta época do ano, os times de ponta não estão dispostos a liberarem seus jogadores titulares para outros times brasileiros e, com isso, a caça a jogadores qualificados, para dar a melhoria necessária ao plantel do Grêmio, fica bem mais complicada.

Aqueles que me acompanham sabem o quanto critiquei as novelas de Paulo Pelaipe, todas, com um final infeliz para o torcedor. Os Gremistas viraram motivo de chacota no Brasil pelas promessas frustradas de grandes nomes feitas pelo antigo diretor de futebol. Pois bem, espero não ter que fazer o mesmo com o Sr. André Krieger.

A verdade é que, por enquanto, apesar das contrariedades, existem, pelo menos, 3 nomes interessantes e palpáveis que foram ventilados desde o fim da semana passada. São eles: Makelele, Leandro Amaral e Gustavo Nery. Por mais que possam discordar do perfil destes jogadores, acho que são três bons reforços, em posições que podem mudar o time (um volante, um lateral esquerdo e um centroavante de ofício).

É importante lembrar, também, que muitos foram contra a chegada do Roger e o camisa 10 tem mostrado exatamente o contrário do que estes muitos previam. De qualquer forma, é melhor o torcedor não se empolgar. Afinal, é o próprio Krieger quem diz que as contratações só serão comemoradas depois de estarem efetivadas de fato. E a história recente não traz boas lembranças sobre as investidas Tricolores no mercado da bola.

Apenas deixo no ar a minha humilde opinião: Para que estes novos reforços contratados, bem como os que serão aproveitados do plantel atual, possam fazer a diferença e colocar o time na briga por vaga na Libertadores (se é que isso é possível), continuo reforçando o coro que sugere a troca de Celso Roth por alguém, no mínimo, mais promissor no comando da equipe.

Podem me chamar de insano, mas prefiro, por exemplo, Paulo Porto (Inter-SM este ano e Veranópolis no ano passado) ou Guilherme Macuglia (Guaratinguetá). Pelo menos estes ainda não tiveram suas chances em times grandes e, mesmo assim, já incomodaram alguns. E o Roth, meus caros Krieger e Odone? O que fez Celso Roth em 15 anos de carreira como treinador de grandes equipes? Ah sim, ganhou regionais no Rio Grande do Sul e Recife, além das extintas Copa Sul e Nordeste. Muito pouco para as chances que o atual técnico gremista já teve treinando alguns dos maiores times do Brasil.

Ronaldinho Gaúcho de volta abril 1, 2008

Posted by eduardotrindade in Free Non-Sense Material, Futebol.
Tags: , , ,
1 comment so far

Quem diria…

Depois de quase uma década desde que o maior craque gaúcho deixou o Grêmio pela porta dos fundos, o que parecia impossível aconteceu. Após acerto com a diretoria gremista, Ronaldinho Gaúcho está de volta para o clube que o formou.

A temporada 2007-8 na Espanha não era das melhores, mas a disputa entre os gigantes europeus como Milan, Inter de Milão, Roma e outros levava a crer que o camisa 10 não deixaria o velho continente tão cedo. Contudo, a saudade do Brasil e a vontade de poder jogar novamente pelo time do coração falaram mais forte e ajudaram na negociação com o Grêmio.

O craque será apresentado oficialmente à torcida, juntamente com o novo técnico, Luiz Felipe Scolari, outra inacreditável surpresa para os torcedores gremistas.

ronaldinho.jpgfelipao-scolari-659934ad.jpg

Não engoliu?!  🙂

Primeiro de Abril!! 🙂

🙂

Mordi a língua janeiro 30, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , ,
add a comment

Na ânsia em comentar temas da hora, relativos à dupla Grenal, o post de ontem acabou sendo produto de uma notícia plantada e inverídica que dizia que Fábio Rochemback havia acertado sálarios com o Grêmio.

Com a entrevista de ontem para Pedro Ernesto no Show dos Esportes da Rádio Gaúcha,  Fábio Rochemback negou haver o acerto e não demonstrou todo o interesse que a mídia gaúcha vem tratando de divulgar. A própria RBS, com o site Clic RBS, chegou a divulgar que volante pagaria, através de uma parceria, para jogar no Grêmio.

Infelizmente, a verdade mesmo é que Pelaipe já tem o título de maior romancista da temporada. Afinal, suas principais tentativas de contratações e manutenções de peso, viraram novela, depois piada, e só depois de expor o Grêmio e sua torcida ao ridículo, o dirigente admite que não conseguiu fechar o negócio.

As contratações interessantes concretizadas pelo diretor de futebol gremista (Perea, Roger e Jean) só tiveram divulgação no dia, ou poucos dias antes, do acerto final. Em todas as negociações que se arrastaram por mais de uma semana o resultado foi sempre negativo. E o pior é que a esperança que ainda havia no repatriamento de Renato, do Al Nasr, perde força com as possíveis investidas do Corinthians para trazer o jogador de volta.

Cruel, não dá pra elogiar.

Coisas do futebol janeiro 25, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , ,
2 comments

Assim como tenho criticado o Sr. Paulo Pelaipe pela ineficiência nas tentativas de negócios para a temporada 2008, preciso agora, para fazer justiça, elogiar a recém divulgada contratação do zagueiro Jean, ex-São Paulo, que estava jogando no futebol russo.

jean-zagueiro.jpgO zagueiro vem por empréstimo de um ano com prioridade de compra dos direitos federativos do atleta ao final do contrato. Uma ótima saída para o setor defensivo que, como coloquei no post sobre o empate do Grêmio, contra o Sapucaiense, está carente de experiência e tranqülidade, até para que os mais novos adquiram confiança e, com isso, rendam mais. Para o Brasileirão, com o retorno de Teco no segundo semestre, o setor fica ainda mais reforçado, inclusive com banco de qualidade para um campeonato em que as baixas são constantes.

rochemback.jpgOutra estratégia interessante da diretoria gremista, recém divulgada pela mídia e talvez inédita, é a de firmar parceria com o próprio jogador no pagamento de seu empréstimo ao clube detentor de seus direitos. Se a parceria com Fábio Rochemback vingar, o jogador estará, em conjunto com o Grêmio (os percentuais de cada um não foram divulgados), pagando ao Middlesbrough para poder jogar no Tricolor. Claro que a contrapartida deverá vir de alguma forma para o jogador, de qualquer forma, para quem tem problemas de caixa, como o time gaúcho, uma bela idéia dos dirigentes. Este é o tamanho real do Grêmio. É inadmissível que jogadores que não desejem aqui atuar, como tem demonstrado Souza e como deixou claro Diego Souza, sejam procurados insistentemente pelo clube.

Só espero que esta contratação não vire novela como a de Souza que já virou motivo de piada no centro do país. Ou vem, ou não vem. Se não vier, outros negócios já devem estar encaminhados. Até porque as opções estão escasseando e de fevereiro em diante fica mais difícil contratar.

Além da boa contratação do zagueiro Jean, para mudar o quadro do Grêmio, na minha humilde opinião, é preciso ainda:

– Mais um ou dois meias de qualidade para criação com Roger;

– Um volante (2º homem do meio) para compor o setor com Eduardo Costa;

Se das três acima vierem, pelo menos, duas contratações de calibre, é possível que a torcida gremista começe a sonhar com uma briga mais parelha na Copa do Brasil. Hugo agrada, mas com o boicote São Paulino, acho difícil que o Grêmio leve. As tentativas com Renato, Rochemback e Dudu Cearense são também boas opções, resta saber o quão possíveis elas são.

Quem fala o que quer… janeiro 18, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , ,
2 comments

… não fecha negócios!!!

A habilidade do diretor de futebol do Grêmio, Paulo Pelaipe, em acumular inimizades no futebol brasileiro e até mundial está se provando cada vez mais refinada.

Há pouco, Juvenal Juvêncio, presidente do São Paulo, declarou que Souza fica no tricolor paulista. Isto, mesmo depois do jogador ter declarado que a proposta do Grêmio era irrecusável e poderia representar sua independência financeira.

A mim, parece claro que, assim como a negociação frustrada com o Benfica, envolvendo o meia Diego Souza (mesmo pagando mais que o Palmeiras), esta novela da contratação de Souza também é fruto das inimizades conquistadas pela truculência ultrapassada de Paulo Pelaipe com São Paulo e Santos após as classificações sobre ambos times paulistas na Libertadores da América 2007.

Não é possível que apenas atletas não pretendidos por ninguém, ainda que sejam ótimos jogadores e venham a dar um excelente resultado, fechem contrato com o Grêmio. Até contratações menores, como a do goleiro do Caxias que quase fechou com o Tricolor, mas acabou no Vasco, mostram que, basta o interesse de um outro clube qualquer pra que o Grêmio perca a negociação. É impressionante.

Enquanto isso, Pelaipe se mostra magoado com a imprensa, pois se acha injustiçado, e promete “surpresinhas” até a estréia na Copa do Brasil. O problema é que as opções vão escasseando e as disputas pelos que restam no mercado aumentam. E agora Pelaipe, com a definição negativa sobre a novela Souza, quem mais virá??? Melhor não falar… Quem sabe na surdina o dirigente consiga negociar melhor.