jump to navigation

O regulamento absurdo da Libertadores agosto 6, 2010

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , ,
6 comments

O Inter acabou de se classificar para a final da Libertadores da América 2010, mesmo perdendo por 2 a 1 para o São Paulo, por causa do gol qualificado que, na minha opinião, não deveria existir. Afinal de contas, qual a diferença prática em fazer um gol fora de casa? Nenhuma.

Mas nesta edição da competição, por exemplo, o Inter passou por Banfield, Estudiantes e São Paulo com a mesma pontuação e saldo que os adversários na disputa de ida e volta. A diferença foi o absurdo saldo qualificado que a Conmebol e a CBF aplicam em suas Copas (Libertadores, Sul Americana e Copa do Brasil).

O correto, ou pelo menos o mais justo, seria o Inter ter disputado as vagas para as quartas, semifinal e final nos pênaltis, já que não fez mais do que conseguir o mesmo resultado que seus adversários, porém com um gol marcado fora.

Em 2008, ano em que o Inter foi campeão da Sul Americana, os colorados passaram pelo Grêmio na competição também por causa do mesmo regulamento, com dois empates. A diferença foi que o empate no Olímpico teve mais gols.

E reitero que não sou apenas eu quem diz que não há diferença em fazer gol em casa ou fora. Os próprios jogadores profissionais, técnicos e cronistas esportivos garantem que as dificuldades para fazer gol, seja em casa ou fora dela são as mesmas.

Então, amigos, acho que está mais que na hora dos dirigentes da Conmebol e da CBF repensarem estes regulamentos para evitar injustiças como a deste ano, onde o Inter avançou nas últimas três fases apenas com o regulamento embaixo do braço, mas com a mesma pontuação e saldo dos adversários (Banfield, Estudiantes e São Paulo).

Por ora, temos que nos resignar e ver um time que não consegue obter diferença alguma sobre seus adversários passar adiante, apenas por conta de um regulamento absurdo.

Botafogo vira o jogo em casa maio 20, 2008

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , ,
add a comment

Os técnicos Mano Menezes e Cuca, que tiveram passagens memoráveis pelo Grêmio, o primeiro como técnico recentemente e o segundo como jogador ainda no século passado, se enfrentaram há pouco nos comandos de Corinthians e Botafogo pela semifinal da Copa do Brasil 2008.

Apesar das previsões de favoritismo carioca no confronto de ida, no Rio de Janeiro, o Corinthians, comandando por Mano Menezes, saiu na frente e só cedeu a vitória mínima, por 2 a 1, ao Botafogo nos minutos finais.

O Botafogo de Cuca começou perdendo, mas se empenhou até conseguir virar o jogo no final da partida e agora tem a missão de manter a vantagem em São Paulo, na semana que vem, contra um Corinthians que precisa da vitória simples de 1 a 0 para classificar.

Fato é que não há nada definido e, com certeza, veremos uma partida de alta tensão no jogo de volta, previsto para o Morumbi, que definirá o primeiro finalista da Copa do Brasil 2008. O outro sairá do confronto entre Sport e Vasco da Gama, que começa, com o jogo de ida, em Recife, nesta quarta.

E você, aposta em Cuca ou Mano Menezes para a conquista da vaga?