jump to navigation

É preciso manter a invencibilidade fevereiro 17, 2010

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , ,
add a comment

O Grêmio entra em campo esta noite no estádio Olímpico, contra o Veranópolis, colocando em jogo muito mais que apenas uma classificação para as semi-finais do Gauchão 2010.

Se vencer, o Tricolor chega a 44 jogos sem perder no Olímpico Monumental ficando a apenas 2 do recorde nacional de invencibilidade, pertencente ao rival do Beira-Rio.

O Inter ficou sem perder em casa por 46 jogos na primeira metade da década de 70. Na época, em Julho de 75, foi o próprio Grêmio quem quebrou a série colorada de 46 partidas sem perder no próprio estádio.

Para bater o recorde nacional (neste caso regional também), o Tricolor precisa vencer mais 4 partidas (incluindo a de hoje), chegando,assim, a inigualáveis 47 jogos sem perder em seus domínios.

Anúncios

Vencer ou vencer agosto 28, 2009

Posted by eduardotrindade in Futebol.
Tags: , , , , , , , , , , , , ,
add a comment

O Grêmio precisa exclusivamente de uma vitória contra o Botafogo, no Engenhão, neste final de semana se deseja almejar algo mais neste Campeonato Brasileiro 2009. O Tricolor tem time para brigar pelas mais altas posições da tabela, mas precisa fazer o dever de casa também fora dela.

O time de Paulo Autuori, que detém a melhor campanha como mandante, ainda não venceu fora no Brasileirão e tem o pior desempenho fora de casa dentre todos os competidores. Um contrasenso. De qualquer forma, como diz Souza, está mais que na hora de mandar para o espaço a “zica” que se abateu sobre o Tricolor fora de seus domínios.

Para este final de semana Autuori deverá contar com uma das mais novas armas do time. Lúcio, finalmente um lateral esquerdo de qualidade, retorna a Porto Alegre depois de passar quase duas temporadas no Hertha Berlin da Alemanha.

Caso vença o Botafogo no Rio de Janeiro, o Grêmio chegará a 34 pontos se aproximando com força do G4 e, por que não, da briga pelo título. Se perder, o título não virá nem em sonho e o G4 também ficará mais distante. É, portanto, vencer ou vencer!